FLMA Dança apresenta

Alice No País Das Maravilhas

A clássica história de uma menina que persegue um coelho apressado, chegará ao palco através de uma mágica remontagem apresentada pelo Núcleo de Dança.

A Fundação Lia Maria Aguiar convida você para se encantar por um conto repleto de fantasias e de criaturas peculiares, em uma mágica remontagem de Alice no País das Maravilha, apresentada pelos alunos do Núcleo de Dança. Um espetáculo colorido e fabuloso.

Com a tradição de encerrar o ano com atrações de dança, música e teatro para toda a família, a instituição realiza a quase uma década um trabalho que desenvolve os pilares fundamentais para um mundo melhor, como educação, cultura, saúde e inclusão social.

Para finalizar com chave de ouro este ano, a tradicional história publicada em 1865 pelo escritor Lewis Carroll, ganhou o formato de um ballet infantil que irá aliar a tecnologia da projeção a dança clássica, em cenas de interação entre o real e o tecnológico. O espetáculo será exibido nos dias 13, 14 e 15 de outubro no tradicional palco do Auditório Cláudio Santoro. Os ingressos para prestigiar o evento começarão a ser vendidos no dia 02 de outubro e custarão R$20,00 e a meia-entrada R$10,00 (destinada a estudantes, professores, idosos e aposentados, mediante comprovação).

Mas do que enriquecer a cultura local e emocionar os familiares das crianças e jovens envolvidos, a apresentação também é um momento de consagração para os pequenos bailarinos, que reúnem todo o conhecimento das aulas de dança e colocam tudo em prática no palco com emoção e alegria.

Informações:

Dia: 13 de outubro
Horário: A partir das 20h
Dias: 14 e 15 de outubro
Horário: A partir das 19h
Local: Auditório Claudio Santoro
Avenida Dr. Luís Arrobas Martins, 1880
Campos do Jordão – SP

Ingressos à venda a partir do dia 02 de outubro na sede da Fundação Lia Maria Aguiar, localizada na Avenida Dr. Victor Godinho, nº 455 – Vila Capivari – Campos do Jordão / SP.

Ingresso: R$20,00 (meia-entrada R$10,00*)

* Meia-entrada destinada a estudantes, professores, idosos e aposentados, mediante comprovação

 

SaveSave

SaveSave

SaveSave

SaveSave