Alunos brilham na Alemanha e conquistam posição de destaque no Tanzolymp 2016

O TANZOLYMP é um festival internacional de dança realizado atualmente em Berlim. Seu objetivo é aumentar a popularidade da dança no mundo e criar um intercâmbio internacional entre jovens talentos.

O ponto alto do festival é gala internacional, onde uma comissão especializada avalia e aponta os melhores artistas solo, duos e grupos / formações. Estreantes no festival, a dupla de alunos Ianca Tomaz Pereira e Roberto Vinicius Lima da Silva fez bonito e conquistou o terceiro lugar na categoria Dança Moderna (escolas privadas), trazendo muita alegria e satisfação não apenas para a Fundação mas ao Brasil.

Parabéns!

Alunos da Fundação Lia Maria Aguiar mostram seu talento no programa Encontros, da rede Globo.

 

No dia 18 de fevereiro nossos alunos tiveram a oportunidade de mostrar o seu talento na TV, falando sobre o espetáculo Luz Cor de Luar no programa Encontro, apresentado pela Fátima Bernardes. Foi uma enorme alegria poder dividir com mais pessoas a graça e o brilho dos nossos alunos!

Clique aqui e confira como foi!

 

 

Confira abaixo o programa na integra:

 

Vem aí a segunda temporada do espetáculo “Uma Luz Cor de Luar” em Campos do Jordão!

Após o sucesso na última edição do Natal dos Sonhos em Campos do Jordão, o espetáculo “Uma Luz Cor de Luar” volta aos palcos do Auditório Claudio Santoro no dia 17 de dezembro com novo elenco e muitas novidades.

Além das talentosas crianças do Grupo de Teatro Musical da Fundação Lia Maria Aguiar, o musical conta novamente com a participação de Totia Meireles, que incorpora a vilã Rainha Hárpia, e Beatriz Lucci, no papel de uma sábia coruja. Outros astros consagrados reforçam o elenco deste ano, que tem Bernardo Mesquita como o menino filho de pescador, Marcos Tumura, que guiará a história no papel do Xamã Niganga, e Jonathas Joba que fará o malvado Papagaio Real.

A super produção tem estreia marcada para o dia 17 de dezembro, às 20h30, no auditório Claudio Santoro.

Serviço:

Temporada: de 17 de dezembro de 2014 a 04 de janeiro de 2015, com sessões diárias às 20h30. (Exceto nos dias 24, 25 e 31 de dezembro e 01 de janeiro)
Local: Auditório Claudio Santoro
Av. Dr. Luís Arrobas Martins, 1.880 – Alto da Boa Vista. Ver no Google Maps
Ingressos: De R$ 20,00 a R$ 60,00
Vendas*: Ingresso Rápido:
Compre sem sair de casa. Clique aqui.
(Sujeito à taxa de administração do site)

Fundação Lia Maria Aguiar:
Diariamente, das 10h às 17h, mediante disponibilidade.
Av. Dr. Vitor Godinho, 455 – Capivari.
Ver no Google Maps.

Auditório Claudio Santoro:
A partir do dia 16/12, diariamente, das 14h às 20h, mediante disponibilidade.
Av. Dr. Luís Arrobas Martins, 1.880 – Alto da Boa Vista.
Ver no Google Maps

*Os pontos de venda estarão fechados nos dias 24, 25 e 31/12, e 01/01.

Mais informações: (12) 3663-4293 / (12) 3663-4658 / (12) 9.9226-8124
Facebook.com/umaluzcordeluaromusical

Sinopse:

A peça musical narra a história de um pobre menino, filho de pescadores, que decide abandonar a vila em que vive e buscar seu destino além do mar. Ele acaba naufragando e indo parar numa ilha perdida no meio do oceano. Nessa ilha dominada pela temível Rainha Harpia ele enfrenta as maiores atrocidades para encontrar a tal luz cor de luar. O público é conduzido pelo narrador, um ser mágico da natureza, a uma verdadeira viagem pelas histórias de um reino cheio de pássaros e encantamento.

Classificação: Livre

Festival de Música 2014 encanta Campos de Jordão

Campos do Jordão estava em ritmo de alegria com mais uma edição do Festival de Música, que trouxe atrações de peso para a Concha Acústica e para o Auditório Claúdio Santoro neste feriadão de Corpus Christi, entre os dias 19 e 22 de junho.

Por falar nelas, o Teatro Mágico, que abriu o Festival em grande estilo; Sandra de Sá, que contou com uma impecável produção; Adriana Calcanhotto, que teve seus ingressos esgotados, e Isabella Taviani, que encerrou a edição com chave de ouro, registraram sucesso de público.

Junto a estes artistas renomados, os jovens da FLMA subiram aos palcos e foram muito bem recebidos. Com eles, exibiram uma interação em plena sintonia, assim como seu esforço e preparação para o momento. A BAMFLIMA (Banda Marcial Fundação Lia Maria Aguiar) e o CEMFLIMA (Centro de Estudos Musicais da FLMA) encantaram com suas notas musicais. O Grupo de Teatro Musical da FLMA e o Grupo de Dança da FLMA exibiram seus passos com perfeição. A Orquestra Filarmônica de Campos do Jordão e a Traditional Jazz Band também foram apresentações conferidas e cheias de aplausos.

A Fundação parabeniza e agradece a todos que participaram de alguma forma para tornar o Festival de Música em um verdadeiro espetáculo. O sorriso registrado de cada um é, sem dúvida, incentivo para que a FLMA continue se empenhando cada vez mais.

Com certeza, essa é uma temporada de alta diversão… que venha o próximo Festival!

Grupo de Dança da FLMA faz sucesso com o clássico balé

Img-DomQuixote_v2

O Grupo de Dança da FLMA começou o ano aos passos de Dom Quixote. O clássico balé de 1869, que dá vida às paginas do livro homônimo de Miguel de Cervantes, foi apresentado exatamente como manda o figurino, assim marcando uma nova fase para o GDFLMA. Pela primeira vez, os jovens da Fundação dançaram um balé completo, com coreografias inspiradas nas originais de Marius Petipá, em três atos e bailarinos muito concentrados em cena.

No auditório Claúdio Santoro, a plateia assistiu à vibrante história do herói que viaja em busca de aventuras com seu fiel companheiro, Sancho Pança. Em meio a essa alegria e energia contagiantes, Norton Fantinel (Tulsa Ballet/EUA), Karina Moreira (Tulsa Ballet/EUA), Douglas Guimarães, Leonardo Helmer, Thomison Amaral e Victor Almeida foram os bailarinos convidados para dividir os palcos com os alunos da Fundação.

Com direção geral assinada por Fabyanna Nemeth, o espetáculo certamente encantou com o universo lúdico de Dom Quixote. A todos que participaram, parabéns pelo grande sucesso!

Mauricio de Sousa faz uma surpresa para a criançada da Fundação Lia Maria Aguiar

Quem é que nunca leu um gibi da Turma da Mônica várias vezes enquanto não chegava um novo nas bancas? Depois de tanto tempo, o sucesso dessa turminha continua. No ano passado, convidamos Mauricio de Sousa, o pai dessa incrível história, para falar de inovação no último Encontro da Cidadania. Na ocasião, revelou boa parte de sua trajetória, que serviu de inspiração pra muita gente que passou por lá. Foi um sucesso!

Mauricio surpreendeu a Fundação Lia Maria Aguiar com um gesto que a gente nunca mais vai esquecer: presenteou as nossas crianças com gibis da Turma da Mônica!

Desde que esse presentão nos foi dado, a criançada não é mais a mesma. Mas não se preocupe, as notícias são boas: sempre que chega um gibi novo pelo correio aqui na Fundação, todo mundo fica superfeliz! É só risada quando alguém imita o Cebolinha – “oh, plofessola, a gente tá com pleguiça” – e sempre tem uma turminha comentando uma historinha, um quadrinho mais engraçado.

Pelo jeito, as histórias da Turma da Mônica não vão ficar só na lembrança de quem já cresceu! Ainda bem, né? Dá uma espiada na festa que é quando essa turma se junta pra ler os gibis.

FLMA participará do 1º Festival de Coral de Campos do Jordão com a OSESP


Nesta quinta-feira (17) começa o 1º Festival Coral de Campos do Jordão, cuja abertura acontecerá no auditório Cláudio Santoro, na própria Campos do Jordão. Convidada pela Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo (Osesp), a Fundação Lia Maria Aguiar, por meio de um de seus projetos – o Grupo de Teatro Musical –, participará do Festival no sábado (19) às 11h, no Espaço Cultural Dr. Além. O evento é uma comemoração aos 60 anos da Orquestra, e vai até domingo (20).

Na ocasião, nossas crianças vão cantar com o Coro Infantil da Osesp, uma oportunidade valiosa para mostrarmos o talento desses jovens que se dedicam plenamente ao canto e à atuação artística.

O 1º Festival de Coral é uma iniciativa do Governo do Estado de São Paulo em parceria com a Fundação Osesp e a Prefeitura de Campos do Jordão, com direção executiva de Marcelo Lopes, direção artística de Arthur Nestrovski e consultoria artística de Marin Alsop.

As apresentações serão gratuitas, com retirada de ingressos uma hora antes de cada espetáculo.

Serviço

1º Festival de Coral de Campos do Jordão
De 17 a 20 de abril
(19 de abril, às 11h – apresentação do Grupo de Teatro da Fundação Lia Maria Aguiar com o Coro Infantil da Osesp)
Auditório Cláudio Santoro e Espaço Cultural Dr. Além
Para saber mais, acesse o site do festival ou ligue (12) 3662-6000.

O espetáculo, “Uma Luz Cor de Luar” estreia 21 de dezembro em Campos do Jordão

Assinada pela Fundação Lia Maria Aguiar, a super produção musical infantil, “Uma luz Cor de Luar”, espera repetir o mesmo sucesso que o espetáculo, “A Princesinha”, que foi apresentado no ano passado e posteriormente em São Paulo este ano.

No elenco, atores consagrados como Totia Meireles, que interpretará a vilã Rainha Harpia, Kayky Brito, que dará vida a um menino filho de pescadores, Anderson Muller, que fará um malvado papagaio e Beatriz Lucci, uma sábia Corujona.

A produção conta também com mais 90 atores e bailarinos do núcleo de Teatro Musical da Fundação.

O Espetáculo faz parte das atrações do “Natal dos Sonhos” de Campos do Jordão, realizado pela Fundação Lia Maria Aguiar em parceria com a prefeitura da cidade.

Estreia dia 21 de dezembro, às 20h, no auditório Claudio Santoro.

Serviço:

Temporada: de 21 de dezembro de 2013 a 05 de janeiro de 2014, com sessões diárias às 20h. (Exceto nos dias 24, 25 e 31 de dezembro e 01 de janeiro de 2014)
Local: Auditório Claudio Santoro – Rua Arrobas Martins, 1800, Alto da Boa Vista, Campos do Jordão/SP.
Ingressos: R$ 20,00 a R$ 50,00
Vendas: Fundação Lia Maria Aguiar ou via IngressoRapido
Mais informações: (12) 3663-4293/3663-4658

Sinopse:

A peça musical narra a história de um pobre menino, filho de pescadores, que decide abandonar a vila em que vive e buscar seu destino além do mar. Ele acaba naufragando e indo parar numa ilha perdida no meio do oceano. Nessa ilha dominada pela temível Rainha Harpia ele enfrenta as maiores atrocidades para encontrar a tal luz cor de luar. O público é conduzido pelo narrador, um ser mágico da natureza, a uma verdadeira viagem pelas histórias de um reino cheio de pássaros e encantamento.

Realização: Fundação Lia Maria Aguiar.
Estreia: 21 de dezembro, sábado, às 20h.
Temporada: 21 de dezembro a 05 de Janeiro de 2014.
Sessões: Diárias às 20h.
Local: Auditório Claudio Santoro
Classificação: Livre

Musical “A Princesinha” vence Prêmio Arte Qualidade na Categoria Melhor Espetáculo Musical Infantil Nacional 2013

Presidente da Fundação, Lia Maria Aguiar fala da emoção com reconhecimento através do Prêmio

A mega produção musical infantil ‘A Princesinha’, assinada pela Fundação Lia Maria Aguiar, foi a vencedora do Prêmio Arte Qualidade na categoria Melhor Espetáculo Musical Infantil Nacional 2013. A premiação é considerada uma das mais importantes e independentes do país, responsável por homenagear os grandes destaques do Teatro e da Televisão brasileira.

A cerimônia de gala da premiação aconteceu na quarta-feira, dia 27 de novembro, no Clube Sírio Libanês, em São Paulo.

Com votação pela internet, via site do evento, 14 categorias premiaram os melhores artistas e espetáculos do teatro com temporada em São Paulo, escolhidos por uma comissão técnica especializada.

Para a presidente da Fundação, Sra. Lia Maria Aguiar, a emoção é imensa em receber a premiação: “É com orgulho e emoção que recebemos essa premiação e dedicamos a todos os envolvidos. Ela vem ao encontro do carinho e amor que  dedicamos a essas crianças e jovens, numa tentativa de transformar vidas e criar oportunidades por meio da arte, do estimulo à educação e do ensino diário da cidadania. Nossas crianças e jovens mostraram que são capazes. Esse é um grande estímulo para continuarmos nosso caminho,” comemorou Sra. Lia.

Representando a Fundação Lia Maria Aguiar, estiveram presentes na cerimônia o produtor do espetáculo Leonardo Faé, e os renomados diretores  Keila Fuke e Thiago Gimenes. Para os três, a premiação endossa o reconhecimento ao talento e esforço dedicados ao projeto: “A Fundação realiza um trabalho primoroso com seus alunos, que mostraram talento, comprometimento e profissionalismo no Musical A Princesinha. Receber essa importante premiação é motivo de muito orgulho para toda a equipe da Fundação,” comentaram emocionados.

A adaptação do Musical A Princesinha, feita por Rafael de Castro, foi sucesso de público nas duas temporadas. A primeira, realizada no Natal dos Sonhos de 2012, em Campos do Jordão, teve como atores convidados a atriz e cantora Tânia Mara no papel de Maya, o ator Rafael Almeida como Ram Dass, Julio Rocha como Capitão Crewe, Fafy Siqueira como Senhorita Amélia e Mara Carvalho como Senhorita Minchin.  Na segunda temporada, realizada em São Paulo, vencedora do Prêmio Arte Qualidade Brasil, o elenco sob Direção de Thiago Gimenes e Keila Fuke, teve as participações dos atores Juan Alba como Capitão Crewe, Leonardo Miggiorin como Ram Dass, Cris Ferri como Senhorita Amélia, Mara Carvalho como Senhorita Minchin, Kiara Sasso como Maya e Maria Tereza Prezotto e Juliana Ferreira como   Sara Crewe, A Princesinha

Além dos atores convidados, um elenco com 32 atores e bailarinos entre 8 e 21 anos, alunos do Núcleo de Teatro Musical da Fundação Lia Maria Aguiar, que recebem gratuitamente por meio dos projetos sociais da Fundação, aulas de canto, teatro, jazz musical e sapateado.

Uma equipe de 70 profissionais esteve envolvida na área técnica da produção de A Princesinha, além de camareiras e maquinistas que garantiram a singular qualidade dos efeitos especiais do espetáculo.

A Fundação Lia Maria Aguiar

Fundada em 2008 pela empresária Lia Maria Aguiar, em Campos do Jordão, a fundação busca promover a inclusão socioeconômica, educacional e cultural da população carente da região, além de estimular ações de proteção do meio ambiente e do patrimônio histórico, entre outros projetos de incentivo à cidadania.

É uma instituição independente, sem fins lucrativos e sem vínculos com qualquer organização pública ou privada.

O Grupo de Teatro Musical atende hoje a 90 crianças e jovens, com idades entre 8 e 21 anos. Com o objetivo de formar crianças e jovens a partir de atividades de cunho artístico, o grupo possibilita a descoberta dos potenciais, limites e linguagem de cada um. Dessa forma, os alunos saem preparados para superar desafios com autonomia, senso crítico, autoestima e comprometimento, valores que fortalecem o conceito de sociedade sustentável.

A Princesinha:

Realização – Fundação Lia Maria Aguiar.

Direção – Thiago Gimenes e Keila Fuke

Produção – Leonardo Faé.

Adaptação da Obra de Frances Hodgson Burnett: Rafael de Castro.

Adaptação e texto – Rafael de Castro.

Música e Letra – Thiago Gimenes.

Supervisão Artística – Hudson Glauber.

Diretora Cênica e Coreógrafa – Keila Fuke.

Diretor Cênico e Musical – Thiago Gimenes.

Preparação de Atores – Ana Paula Montanaro.

Coreografias de Sapateado – Eduardo Martinz.

Produção Geral – Leonardo Faé.

Cenografia – Duda Arruk.

Figurinos – Carol Lobato.

Iluminação – Paulo Cesar Medeiros.

Visagismo – Anderson Bueno.

Sound Design – Tocko Michelazzo.

Assessoria de Imprensa – Clozel Comunicação.