Núcleo de Dança conquista novos prêmios no Festival Bravos On-line

Segunda edição realizada de forma digital contemplou o trabalho de alunas e professoras que souberam se adaptar às limitações da pandemia.

Se reinventando em meio a Covid-19, o Núcleo de Dança da Fundação Lia Maria Aguiar participou virtualmente do Festival Bravos On-line, realizado nos dias 10 e 11 de abril, de onde saiu contemplado com cinco apresentações especiais desenvolvidas ao final de 2020, gravadas em sala de aula, durante um dos breves retornos presenciais autorizados pelo Plano São Paulo, mediante a todos os protocolos de segurança necessários.

No primeiro dia da atração, o Núcleo foi representado pelas bailarinas Anandha Marineli, que conquistou o 2º lugar com o Solo Contemporâneo “Solitude”, Julia Moraes, ganhadora do 3º lugar com a Variação de Repertório “Princesa Florine”, e Lívia Franceschinni, escolhida como 3º lugar com o Solo Clássico Livre “Insight”. Ainda neste dia o Conjunto Contemporâneo “Instantes”, coreografado pela professora Flavia Cassiano, conquistou o 2º lugar.

Já no segundo dia de Festival, a aluna Julia Moraes recebeu novo reconhecimento e ocupou o 2º lugar com o Solo Clássico Livre “Transverso”, bem como a coordenadora do Núcleo, Fabiana Nemeth, reconhecida na mesma colocação por seu trabalho no Conjunto Clássico Livre, com a coreografia “Estudo para Pandemia”, tendo como diferencial seu processo de criação, realizado sem nenhum tipo de contato físico:

“Participamos do Bravos com trabalhos que foram coreografados e remontados em outubro, novembro e dezembro, gravados com todo o cuidado durante nosso retorno presencial, como o próprio festival autorizava”, conta Nemeth, que chamou ainda atenção para a coreografia ‘Instantes’, construída em apenas quatro ensaios. “Ela foi criada especialmente para apresentarmos na nossa live de encerramento, e acabamos enviando o vídeo, pois é sempre muito importante para nós termos um feedback dos jurados”, explica.

As avaliações da edição ficaram à cargo do olhar técnico do júri convidado, representado pelos experientes Mestres Andrea Pivatto, Andrea Thomioka e Edy Wilson, que possuem reconhecimento expressivo no mercado da Dança nacional e internacional, e puderam expressar suas opiniões acerca dos trabalhos apresentados, contribuindo com comentários agregadores e incentivadores a todos os participantes.

O Festival Bravos

Criado pela Bravos Festival de Dança, a empresa é conhecida há 20 anos por realizar festivais anuais e, especialmente neste momento, tem se dedicado a desenvolver iniciativas que estimulem a Arte, valorizando o comprometimento dos profissionais e estudantes com a manutenção de seus trabalhos, além de oferecer a eles a oportunidade de visibilidade e reconhecimento de seus talentos na Dança.

Essa é a segunda vez que o Núcleo de Dança da FLMA participa de um Festival On-line promovido pela Bravos. Em setembro de 2020, a convite da diretora do festival, Sandra Riego, os alunos da instituição relembraram três das coreografias apresentadas no espetáculo ‘O Castelo Mágico’, realizado em Campos do Jordão no ano de 2019,  conquistando outros três importantes prêmios.

Especial de Natal Fundação Lia Maria Aguiar: Núcleo de Dança

Com uma apresentação de ballet surpreendente, Núcleo celebra a data ao som de “Ave Maria” e “Joy to the world”

Este ano, devido à pandemia da Covid-19, diversos eventos e ações foram modificadas e precisaram encontrar um novo jeito de chegar até as pessoas. O ‘Natal dos Sonhos’ também se adaptou para que a Fundação Lia Maria Aguiar pudesse continuar levando a esperança desta época à população e aos visitantes da cidade.

Celebrando a magia natalina, os três núcleos socioculturais prepararam suas apresentações de fim de ano em um novo formato, com vídeos inéditos que ficarão disponíveis nas plataformas digitais da instituição.

Coordenado por Fabiana Nemeth, o Núcleo de Dança apresentou em clipe o número de Ballet e Dança Contemporânea ‘Presépio Vivo’, com coreografia assinada por ela e Flavia Cassiano, e com a colaboração de Raphael Panta e Ana Claudia Winther. Estrelado por oito alunas do grupo Intermediário e Avançado, e com a participação especial do bebê Gael Cristofer de Oliveira, a seleção das bailarinas se deu por critério de maior experiência e por apresentarem uma maior carga horária na escola.

“Quis fazer algo diferente, que fosse tocante para esse ano especial. Pensei em um presépio, pois, segundo pesquisas, até hoje não houve nenhuma montagem, pelo menos conhecida, de um presépio totalmente dançado, e escolhi para ele duas músicas, ‘Ave Maria’, para mostrar a força dessa mulher incrível, e ‘Joy to the World’, com espírito mais alegre e natalino. Optei por usar um bebê de verdade e só a presença dele já fez todo o clima do ambiente mudar, afinal, quem pode ficar triste com a presença de uma criança sorridente? Uma criança nascida durante a pandemia e que sequer sabe o que está acontecendo! O Gael nos trouxe alegria, e com certeza esperança, e foi isso que quis passar nesse ano tão atípico. Que as pessoas possam, pelo menos, enquanto assistem às imagens, sentir essa doçura e leveza. Foi um ano de desafios e adaptações, mas conseguimos, com esse vídeo, fechar com chave de ouro. Estou muito feliz com o resultado que tivemos com todos os alunos, e mais feliz em dizer que não tivemos nenhum caso de contágio dentro da escola. Missão cumprida!”, celebrou Fabiana.

Cada produção reforça as mensagens de fé, amor e paz, além de enaltecer o talento das crianças e jovens da Fundação. Assista ao vídeo e sinta o espírito do Natal com a Fundação Lia Maria Aguiar.